Nampula desafia-se a aumentar produção de frango e ovos

Nampula desafia-se a aumentar produção de frango e ovos

A província de Nampula poderá atingir a auto-suficiência na produção de frango e ovo, a partir de 2024, segundo garantiu esta semana, a chefe do Departamento de Pecuária, na Direcção Provincial de Agricultura e Pescas (DPAP), Elisa Leonel.

Leonel deu está garantia ao governador da Província de Nampula, Manuel Rodrigues, quando confrontada sobre o défice dos produtos acima mencionados, durante a quadra festiva de natal e final do ano passado, no quadro da visita de trabalho de monitoria que durou um dia.

Leonel explicou que para materialização daquele objectivo, o departamento que dirige está a incentivar os novos produtores de frango e ovos, para aumento de produção e produtividade.

“Temos alguns produtores com aviário com capacidade de produzir 4 mil ovos por dia, e acreditamos que vamos ter uma boa produção, nos próximos tempos, suficiente para abastecer os mercados e a nossa população local” –garantiu disse Leonel.

O governador garantiu que o governo está a trabalhar com uma empresa local, denominada Novos Horizontes, ligada à esta cadeia de valor de produção de frango e ovos, para ceder pintos a preços acessíveis às famílias para criação e reprodução.

“É criando frango que a população pode melhorar a sua dieta alimentar, melhorar a renda e aí estaríamos a diminuir a maior procura na província de Nampula”, disse Rodrigues.

Rodrigues afirmou que, dos planos apresentados pela Direcção Provincial da Agricultura e Pescas, sobre o aumento dos números de criadores de frango espera-se que a situação de défice de frango venha a ser ultrapassada.