SERNIC deteve cidadão suspeito de vender fármacos em Nacala-Porto

SERNIC deteve cidadão suspeito de vender fármacos em Nacala-Porto

O Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC) deteve ontem, no distrito de Nacala-Porto, um cidadão indiciado de comercializar medicamentos do Sistema Nacional de Saúde, com destaque para seringas, Soros, algodão, testes de HIV/SIDA e outros comprimidos em quantidades elevadas.

A porta-voz do SERNIC, em Nampula, Enina Tsinine, explicou que a sua instituição recebeu denuncias populares, dando conta que existia no bairro Ribàué, naquele distrito, uma residência que se dedicava a comercialização de fármacos.

Na sequência foi desencadeado um trabalho investigativo que culminou com a neutralização do suspeito. Este informou que tem recebido os fármacos a partir de um funcionário afecto no centro de saúde de Nacuxa, distrito de Mossuril.

Tsinine garantiu que diligências estão sendo levadas a cabo para a neutralização do suposto fornecedor dos medicamentos, o referido funcionário de saúde.